quinta-feira, 3 de Abril de 2008

O que é o coração? Como funciona?


É o músculo responsável pelo bombeamento do sangue para todas as partes do corpo.
É, por essa razão, um órgão essencial à vida dos seres vivos.





Por onde circula o sangue?


Os vasos sanguineos conduzem o sangue no interior do corpo. dividem-se em duas classes:



- as artérias, vasos que levam o sangue do coração e neles só circula sangue arterial (excepto nas artérias pulmonares).

- as veias, vasos que conduzem o sangue para o coração e neles só circula sangue venoso (excepto nas veias pulmonares).




Como está dividido o coração?



O coração possui 4 cavidades distintas: 2 aurículas e 2 ventrículos.


- A aurícula direita: nesta cavidade abrem-se as veias cavas (superior e inferior), que levam ao coração o sangue proveniente de todo o organismo, excepto o que regressa dos pulmões.


- A aurícula esquerda: esta cavidade recolhe o sangue proveniente dos pulmões, rico em oxigénio (sangue arterial).


- O ventrículo direito: recebe o sangue da aurícula direita, através da válvula tricúspide. Encarrega-se de impulsionar o sangue, pobre em oxigénio e rico em dióxido de carbono (sangue venoso), até aos pulmões.


- O ventrículo esquerdo: recebe o sangue, rico em oxigénio, da aurícula esquerda, através da válvula mitral. Envia este sangue para a artéria aorta, através da válvula aórtica.



O miocárdio...


O miocárdio é a parede muscular do coração. Com as suas contracções, determina a acção de bombear o sangue. É formado por fibras musculares estriadas, parecidas com as de musculatura esquelética, que se cruzam entre si, em forma de rede.



Os movimentos cardíacos...


Os movimentos cardíacos impulsionam o sangue para todo o corpo. Consistem numa série de sucessivas contracções e relaxamentos da musculatura do coração. Para que se compreenda melhor o seu funcionamento, passaremos a descrever as três fases do movimento:

- A Diástole: é a fase de repouso do miocárdio, em que as cavidades se enchem de sangue. Neste intervalo de tempo (que é bastante reduzido), e aproveitando o relaxamento muscular, ocorre a oxigenação do músculo cardíaco, através das artérias coronárias.

- A Sístole auricular: Nesta segunda fase, as duas aurículas contraem-se em simultâneo, enviando mais sangue para os ventrículos, que ficam cheios.

- A stole ventricular: é a fase em que se contraem os ventrículos e o sangue é bombeado para as artérias respectivas. Quando se inicia a contracção ventricular, ocorre um importante aumento da pressão no interior dos ventrículos, que origina dois efeitos: em primeiro lugar, fecham-se as válvulas que separam as aurículas dos ventrículos (impedindo que o sangue retroceda); em segundo lugar, as válvulas arteriais (pulmonar e aórtica) abrem-se. Deste modo, o sangue pode sair do coração para todo o corpo.




A circulação...

No organismo humano a circulação divide-se em duas circulações completamente diferenciadas: a circulação sistémica ou grande circulação e circulação pulmonar ou pequena circulação.


- A primeira tem início no ventrículo esquerdo, que bombeia o sangue arterial (rico em oxigénio) para a artéria aorta, levando o sangue a todas as partes do corpo, excepto aos pulmões. Nas células realiza-se a troca de gases (o sangue cede às células oxigénio e estas fornecem, ao sangue, dióxido de carbono, resultante da sua actividade). O sangue, agora venoso (rico em dióxido de carbono), regressa ao coração pelas veias cavas inferior e superior, entrando na aurícula direita, terminando assim a circulação sistémica.



- A segunda inicia-se com a passagem do sangue da aurícula direita para o ventrículo direito, que bombeia o sangue venoso, através das artérias pulmonares, para os pulmões. Quando o sangue chega aos pulmões, nos alvéolos pulmonares, ocorre a hematose pulmonar (troca de gases: o sangue cede aos alvéolos dióxido de carbono e estes fornecem ao sangue oxigénio). Agora, o sangue arterial regressa ao coração, pelas veias pulmonares, e entra na aurícula esquerda, terminando assim a circulação pulmonar.


Sem comentários: